Sants Power Light - Guga Arruda - 5'11 Faca Na Manteiga Empresa

Há 3 anos Pranchas de surf Florianópolis 340 Visualizações
R$2.140
  • img
  • img
  • img
  • img
imgimgimgimg
Detalhes do anúncio

Prancha com design de alta performance. Com ela Guga Arruda venceu o Campeonato Catarinense Profissional em Balneário Camboriú e foi vice campeão na Praia da Vila.

Fundo concave e rocker suave com rabeta round squash, proporcionando fluides nas curvas, funciona com as bordas na água e por isso é chamada de faca na manteiga.

Prancha mágica para mar de meio a um metro e meio.

Medidas:5'11 x 18x 2¼

Volume:29,2 litros

Tamanho de onda:0,5 a 1,5m.

Nível de habilidade:Intermediário e avançado.

Rabeta:Squash.

> Gostaria de ver outros modelos de pranchas?
Clique aqui e veja nosso catálogo.

Sobre a Parceria da Sants com a Power Light

As pranchas apresentam um grande diferencial, entre as convencionais de PU. Ela tem uma resistência que faz durar três vezes mais que uma prancha comum, sua leveza que facilita em manobras, para as estilingadas de um surf progressivo fica marcado a flexibilidade que a prancha proporciona.

Elas são fabricadas em EPS, com resina de Epoxi sem longarina, e sua estrutura sendo feita por lâminas de madeira em cima e em baixo. A prancha ainda pode ficar mais leve e resistente conforme trabalhada com Kevlar ou Fibra de Carbono. A tecnologia de termo moldagem é patenteada pela fábrica.

Os novos foguetes Sants tem a assinatura do shapper Guga Arruda, que em sua história no surf, além de vencer campeonatos brasileiros profissionais e competir em etapas do WCT com as pranchas sheipadas por ele mesmo, foi apadrinhado nas fábricas por grandes mestres das plainas, como Mário Flávio (Califórnia), Fernando Sheena e John Carper (Hawaii), João Maynart, Avelino Bastos, Havenga, entre outros.

Antes de criar os moldes das pranchas mágicas, elas passam quase um ano de ajustes pelo próprio Guga Arruda e surfistas profissionais como nosso grande bi-campeão mundial do WQS Teco Padaratz, que tem uma prancha que leva seu nome, e fez ele voltar vencendo as duas competições que participou na categoria master, com o seu primeiro modelo a TP1. Também Saulo Jr. que fez podium no WQS com a 5’10” Triple Wing Swalow, o big rider Tiago Monteiro que vem vencendo baterias do WQS nas perigosas ondas de El Gringo no Chile com 6’4″ Zimba.